Bolsonaro estará em evento do Credit Suisse no fim do mês

Bolsonaro estará em evento do Credit Suisse no fim do mês

Fernanda Guimarães

15 de janeiro de 2021 | 05h03

Bolsonaro discursa no Fórum Econômico Mundial em Davos, 2019. Crédito da foto: Reuters / Arnd Wiegmann

O presidente Jair Bolsonaro dará o ar das graças em um evento do banco estrangeiro Credit Suisse. Sua participação está marcada para o dia 26, conforme programação do Latin America Investment Conference, evento anual do banco. A versão de 2021 será online.

Primeira vez. Em todas as edições, o presidente da República é convidado, ou seja, esta é a terceira vez que Bolsonaro recebe o convite. Ele nunca participou de um evento de um banco até aqui, mas sua presença está confirmada. O ministro da Economia, Paulo Guedes, participará também.

Curioso. A pressão dos investidores por sinalizações em torno da responsabilidade fiscal do governo vem aumentando, depois de um ano de expansão dos gastos públicos, necessários pela crise sanitária. No evento, Bolsonaro fará, contudo, apenas um discurso de abertura.

Climão. A programação do evento circulou no mercado hoje, um dia depois de se tornar pública a ofensiva de Bolsonaro contra o presidente do Banco do Brasil, André Brandão, por conta do anúncio de fechamento de agências, para otimizar os custos do banco público.

Na sequência. Logo após a fala de Bolsonaro na conferência será discutido um tema que tem passado longe da política do governo brasileiro: sustentabilidade e investimentos responsáveis.

 

Esta reportagem foi publicada no Broadcast+ no dia 14/01/2021 às 13:44

O Broadcast+ é a plataforma líder no mercado financeiro com notícias e cotações em tempo real, além de análises e outras funcionalidades para auxiliar na tomada de decisão.

Para saber mais sobre o Broadcast+ e solicitar uma demonstração, acesse
http://www.broadcast.com.br/produtos/broadcastplus/

Contato: colunabroadcast@estadao.com

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.