Bradesco conclui seleção de agências e escolhe Publicis e Leo Burnett

Coluna do Broadcast

23 de fevereiro de 2017 | 05h00

O Bradesco vai mudar as agências que cuidam de sua publicidade depois de anos sem alteração. O processo de concorrência foi concluído e as escolhidas foram Publicis Brasil e Leo Burnett Tailor Made. Também participaram da disputa, que teve apoio da consultoria Scopen, Y&R e WMcCann, que há anos respondiam pela conta da instituição financeira. O novo posicionamento substituirá o “Tudo de BRA para você”.

Apelo
Quem também deve ter novas agências de publicidade neste ano é o Banco do Brasil. Interessados têm mais 15 dias para entregar os envelopes com qualificação técnica e solução de comunicação. No mesmo do dia do fim do prazo, o BB sorteará a comissão que vai julgar as propostas. As novas agências de publicidade têm de estar contratadas já em agosto próximo. A mudança de agências ocorre em um momento de disputa dos bancos em estarem mais próximos de seus clientes. O Itaú Unibanco, que tem investido em publicidades emotivas, trabalha há anos com Africa, DM9 e DPZ. O Santander atua com várias agências, dentre elas, a Talent.

Pontuais
As agências R/GA, One Digital e F&Q Brasil não participaram do processo de concorrência pela conta do Bradesco, mas vão continuar a atender o banco em projetos específicos. A disputa contou com apresentações de credenciais, workshops presenciais nas agências e avaliação de equipes de planejamento e criação. O Bradesco não comentou.

 

Siga a @colunadobroad no Twitter

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: