BTG+ foca em parcerias para oferecer de plano de saúde a games na briga por clientes

Cynthia Decloedt

23 de julho de 2021 | 16h15

Foto: BTG Pactual

O BTG está estruturando parcerias para levar benefícios ao seu banco digital de varejo, com o objetivo de reter e especialmente ampliar a base de clientes. Nascido em janeiro, o banco digital de varejo BTG+ acredita que a veia de benefícios, especialmente por meio de pacotes “família”, poderá atrair e acessar pessoas que estão ao redor de seus clientes e ainda não estão dentro do banco.

Entre essas parcerias, o banco trabalha com a Too Seguros, que tem como acionistas o próprio BTG Pactual e a Caixa Econômica. A ideia é levar aos clientes pessoas físicas que têm empregados domésticos a possibilidade de oferecerem um plano de saúde, dentário ou seguro de vida a seus funcionários.

“Nossos clientes têm, em média 1,2 funcionários, como babás, motoristas, e por meio de parcerias como essa conseguimos dar solução a eles”, conta o diretor executivo de Customer Attraction do BTG+, Fabio Levi. “Todos os bancos oferecem desconto em cinemas. Criamos um conceito diferente dos bancos incumbentes de ter cestas de serviços e dos novos, que oferecem serviços de graça. Aqui tem assinatura para ser membro, como se fosse um clube”, acrescenta.

Recentemente, o BTG+ lançou o Plano Família, dentro do Plano Premium de assinatura de benefícios, no qual o cliente do BTG+ paga R$ 49,90 e pode incluir mais de duas pessoas. No Plano Premium o cliente para R$ 29,90. Levi não revela qual é a base de clientes que têm a assinatura, tampouco do BTG+.

Como o BTG quer fazer diferente, Levi diz que as parcerias são feitas cirurgicamente, seguindo os pilares de serviço, educação, games, saúde e alimentação. Em cada uma dessas linhas, a proposta é ter uma grande parceria. Hoje já tem parceira com a Veloe, para pagamentos de pedágios e estacionamentos, com a Simplypag, de gestão de funcionário doméstico, com a Serasa Experian, para monitoramento do CPF, e a Exame, que é do BTG, para assinatura do serviço de informação e para acesso à Exame Academy.

Segundo Levi, além das conversas com a Too Seguros, que deve preencher o pilar de saúde, o BTG Pactual busca fechar discussões com potenciais parceiros em alimentos e games.

Marketplace

Não é só em benefícios que o BTG+ transita para reforçar seu ecossistema e atrair clientes para o banco digital. O BTG deu início a um projeto de marketplace (shopping virtual), ainda em elaboração, a partir do anúncio de um acordo operacional de cinco anos com a Mosaico, controladora dos sites Buscapé, Zoom e Bondfaro, para o desenvolvimento de uma plataforma de e-commerce do banco para oferta de determinados bens de consumo que são atualmente transacionados no ecossistema da Mosaico.

Benefícios de ‘cashback’ por meio de carteira virtual e contas de pagamento operadas pelo BTG Pactual estão previstos nesse acordo com a Mosaico. Mais recentemente, o BTG fechou um acordo operacional com a Privalia, para oferecer serviços bancários com exclusividade na plataforma de e-commerce. Os clientes do banco ganham R$ 100,00 na primeira compra feita com valor superior a R$ 200,00.

Esta reportagem foi publicada no Broadcast+ no dia 23/07/2021 às 14:22

O Broadcast+ é a plataforma líder no mercado financeiro com notícias e cotações em tempo real, além de análises e outras funcionalidades para auxiliar na tomada de decisão.

Para saber mais sobre o Broadcast+ e solicitar uma demonstração, acesse
http://www.broadcast.com.br/produtos/broadcastplus/

Contato: colunabroadcast@estadao.com

Tudo o que sabemos sobre:

#bancodigitalBTG

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.