Busca por crédito corporativo freia em abril, com restrições da pandemia

Busca por crédito corporativo freia em abril, com restrições da pandemia

Cynthia Decloedt

25 de maio de 2021 | 19h09

Shopping em tempos de covid-19. Crédito da Foto: Tiago Queiroz/Estadão

Foto: Tiago Queiroz/Estadão

A procura das empresas por crédito desacelerou em abril, como reflexo do agravamento da pandemia e das restrições na circulação de pessoas. O Indicador de Demanda das Empresas por Crédito da Serasa Experian, registrou crescimento de 1,2% em abril, desacelerando da alta de 5% em março e de 5,9% em fevereiro. O comércio foi o setor que mais buscou recursos financeiros, com expansão de 2,1% (+0,2% em março), enquanto a indústria teve queda de 2,3% (+5,3%).

O economista da Serasa Experian, Luiz Rabi, afirma que muitos negócios ainda têm prejuízos com o fluxo de caixa. Grande parte do crédito requerido está indo para negociações de dívidas, financiamentos de curto prazo e pagamentos essenciais para manter a empresa funcionando.

Esta reportagem foi publicada no Broadcast+ no dia 25/05, às 10h04.

O Broadcast+ é uma plataforma líder no mercado financeiro com notícias e cotações em tempo real, além de análises e outras funcionalidades para auxiliar na tomada de decisão.

Para saber mais sobre o Broadcast+ e solicitar uma demonstração, acesse.

Contato: colunabroadcast@estadao.com

Tudo o que sabemos sobre:

pandemiacréditoSerasa Experian

publicidade

publicidade

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.