CEOS devem assumir papel mais ativo em desafios globais, diz EY

Coluna do Broadcast

23 de agosto de 2019 | 05h00

Os presidentes das companhias devem assumir um papel mais ativo diante dos desafios políticos mais complexos, tais como segurança cibernética, desigualdade de renda e desemprego relacionado à transformações tecnológica. O CEO Imperative Study 2019, realizado pela consultoria EY, mostra que mais de dois terços (67%) dos presidentes das maiores empresas do mundo admitem que devem assumir, nos próximos cinco a dez anos, posicionamentos públicos sobre essas questões.

Vejo oportunidades

O levantamento aponta ainda que a maioria dos presidentes (57%) vê mais oportunidades do que riscos em enfrentar os desafios globais e quase metade dos conselheiros (49%) e investidores (42%) apoia tal visão. Os investidores (60%) relatam considerar investimentos de longo prazo para enfrentar esses desafios, mesmo com problemas no curto prazo.

Contato: colunabroadcast@estadao.com

Siga a @colunadobroadcast no Twitter

Tudo o que sabemos sobre:

CEOS

Tendências: