CI&T compra empresa no Reino Unido, primeira aquisição após IPO nos EUA

CI&T compra empresa no Reino Unido, primeira aquisição após IPO nos EUA

Altamiro Silva Junior

16 de janeiro de 2022 | 05h30

Cerimônia de abertura de capital da CI&T na Nyse, em novembro passado  Foto: Nyse

A empresa brasileira de tecnologia CI&T deu mais um passo para ampliar sua atuação no exterior e comprou 100% da Somo Global, uma das principais agências independentes de produtos digitais do Reino Unido, por 49 milhões de libras, o equivalente a R$ 370 milhões. Foi a primeira aquisição da empresa brasileira desde que abriu o capital na Bolsa de Valores de Nova York (NYSE), em novembro de 2021, captando US$ 200 milhões, em recursos destinados justamente para bancar fusões e aquisições.

A Inglaterra é um dos locais onde o mundo digital está mais desenvolvido e vem se transformando em referência no assunto na Europa, por isso, a busca pela CI&T por uma empresa de lá, conta um dos fundadores da companhia e atual presidente, Cesar Gon. Há ao menos um ano, a companhia já olhava o mercado europeu, mirando uma aquisição. Com a compra da Somo, a brasileira ganha 300 especialistas digitais, que trabalham na companhia inglesa com algumas das maiores marcas do mundo, como Audi, Vodafone e Virgin Media.

Desempenho

Do valor total da aquisição, até 25% serão pagos com ações da CI&T. Há ainda uma cláusula em que até 9,8 milhões de libras (R$ 72 milhões) vão ser pagos futuramente, com base no desempenho futuro da empresa pós-aquisição, uma forma de manter o engajamento do time da firma adquirida. A Somo teve 25 milhões de libras (R$ 188 milhões) em receita líquida em 2021, um crescimento de 41% em relação a 2020.

E o apetite de compras da CI&T não para por aí, afirma Gon. A empresa montou uma estrutura fixa para avaliar potenciais aquisições e também para executar negócios, conta um dos fundadores da companhia e atual presidente, Cesar Gon. Criada em 1995, a CI&T ajuda outras companhias a realizar suas transformações digitais. A empresa tem 4 mil funcionários em oito países, incluindo Canadá, Estados Unidos, Japão e Austrália. Na Inglaterra, já tem uma operação desde 2018, mas que agora ganha fôlego extra com a aquisição da Somo.

 

Esta nota foi publicada no Broadcast+ no dia 14/01/22, às 18h06.

O Broadcast+ é uma plataforma líder no mercado financeiro com notícias e cotações em tempo real, além de análises e outras funcionalidades para auxiliar na tomada de decisão.

Para saber mais sobre o Broadcast+ e solicitar uma demonstração, acesse.

Contato: colunabroadcast@estadao.com

Tudo o que sabemos sobre:

tecnologiaM&ACI&Tprodutos digitais

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.