Com emissão de US$ 4 bi, italiana Enel faz maior captação com titulo ESG

Com emissão de US$ 4 bi, italiana Enel faz maior captação com titulo ESG

Cynthia Decloedt

11 de julho de 2021 | 05h00

REUTERS/Stefano Rellandini

A italiana Enel levantou US$ 4 bilhões em títulos de dívida relacionados a compromissos de sustentabilidade (ESG), ou sustainability linked bonds (SLB), do mercado internacional. A emissão representa a maior transação vinculada à sustentabilidade já precificada no mercado de renda fixa, assim como a maior operação financeira de renda fixa sustentável do ano até hoje por um emissor corporativo. O interesse dos investidores no exterior por esse tipo de papel fica claro na demanda que a companhia obteve na operação, de US$ 12 bilhões.

A Enel também atraiu um grupo maior de investidores que exclusivamente investem em papéis associados ao ESG (sigla em inglês para compromissos ambientais, sociais e de governança). Em junho, a Enel já havia emitido 3,25 bilhões de euros em SLB.

Empresa tem meta de reduzir até 80% nas emissões

As metas de desempenho assumidas pela Enel no novo bond se referem à redução do montante de gás efeito estufa e contribuem para obtenção dos objetivos de sustentabilidade da Organização das Nações Unidas (ONU). Para se alinhar às metas da ONU, a Enel revisou em outubro do ano passado o escopo do grupo de emissão direta de gás efeito estufa até 2030, prevendo uma redução de 80% em relação a 2017.

A emissão foi quebrada em quatro tranches e têm gatilhos de elevação do juro pago ao investidor caso não sejam cumpridas as metas com as quais a Enel se comprometeu. A tranche mais longa soma US$ 750 milhões e vence em 2041, pagando juro de 2,875%, que poderá subir para 2,957% a partir 2030.

Os recursos serão usados para a recompra de bonds convencionais da companhia, no total de US$ 6 bilhões, com o que a Enel pretende alcançar a meta de elevar para 48% de sua dívida relacionada ao ESG. Em 2030, a o porcentual deve chegar a 70%. Nesse sentido, a italiana foi também responsável pela tomada junto a 35 bancos da maior linha de crédito condicionada ao cumprimento de uma série de indicadores socioambientais, de 10 bilhões de euros.

Esta reportagem foi publicada no Broadcast+ no dia 09/07/2021, às 17h00.

Broadcast+ é uma plataforma líder no mercado financeiro com notícias e cotações em tempo real, além de análises e outras funcionalidades para auxiliar na tomada de decisão.

Para saber mais sobre o Broadcast+ e solicitar uma demonstração, acesse 

Contato: colunabroadcast@estadao.com

Siga a @colunadobroad no Twitter

Tudo o que sabemos sobre:

enelbondsesg

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.