Com parada de montadoras e eletroeletrônicos, distribuidores de plástico encolhem 43% em abril

Com parada de montadoras e eletroeletrônicos, distribuidores de plástico encolhem 43% em abril

Cristiane Barbieri

07 de junho de 2020 | 04h08

Com parte das lojas fechadas pela pandemia, distribuição de resinas e plástico para indústria despencou. FOTO JOSE PATRICIO/AE

 

As distribuidoras de resinas e plásticos, setor que fatura cerca de R$ 4,5 bilhões por ano, tiveram queda de mais de 40% nas vendas em abril, com relação ao mês anterior, em função da pandemia. Conforme dados da Associação Brasileira dos Distribuidores de Resinas Plásticas e Afins (Adirplast), a maior redução foi de plásticos de engenharia, usados principalmente na indústria automobilística e de eletroeletrônicos. As vendas das chamadas resinas commodities, utilizadas na produção de embalagens também foram afetadas, com queda de 43% em abril comparado com mês anterior.

Segundo semestre deve apresentar recuperação

Em maio, conforme estimativas preliminares da Adirplast, a queda foi de pelo menos mais 35% ante abril. A área espera recuperação no segundo semestre, mas a expectativa é que não seja suficiente para recuperar as perdas da pandemia. Segundo Laércio Gonçalves, presidente da Adirplast, a queda nas vendas para o ano é estimada em 10% em relação a 2019.

Contato: colunabroadcast@estadao.com

Siga a @colunadobroad no Twitter

Tudo o que sabemos sobre:

plásticomontadoras

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: