Com venda de ativos, Petrobras descarta, por ora, captação externa

Coluna do Broadcast

30 Dezembro 2016 | 08h52

Após concretizar a venda de US$ 752 milhões em ativos nos últimos dias, a Petrobras desistiu de fazer uma emissão no mercado de dívida externa, ao menos por enquanto. A petroleira mudou seus planos considerando também as condições mais favoráveis dos preços do petróleo e que, eventualmente, poderá acessar o capital estrangeiro a um custo ainda menor.

Ainda nos planos
Desde o meio do ano, a Petrobras vinha sinalizando a agentes do mercado a ideia de captar entre US$ 7 bilhões a US$ 10 bilhões por meio da emissão de bônus. Embora tenha reconsiderado, a Petrobras deve ir ao exterior em 2017, para trocar os bônus que vencem no curto prazo e têm custo elevado.

Siga a @colunadobroad no Twitter