Construtoras Mitre e Moura Dubeux conversam com investidores para IPO; outras se preparam

Fernanda Guimarães

28 de janeiro de 2020 | 04h38

As construtoras Moura Dubeux e Mitre Realty estão em pleno roadshow (reuniões com investidores) para estrearem na B3 em meados de fevereiro. Apesar de serem do mesmo setor, não há “briga” pelo bolso dos investidores, dado o elevado apetite do mercado pelo setor imobiliário, que vem mostrando recuperação. Houve questionamento sobre o elevado endividamento da Moura Dubeux, mas nem isso tem abalado o apetite de investidores, ao menos até aqui.

Leia também: Construtoras Pacaembu e Inter começam a contratar bancos para IPO

No forno. A Mitre, por sua vez, já lançou a oferta ancorada com fundos locais e estrangeiros. Outras construtoras estão de olho para captarem no mercado ainda este ano. A mais adiantada no processo é a Cury, joint venture entre a família Cury e a Cyrela – é a mais esperada pelo mercado. Além dela, Pacaembu e Inter, voltadas ao público de baixa renda, também já começaram a contratar os bancos para a oferta.

Notícia publicada no Broadcast no dia 27/01/2020, às 09:23:31

Contato: colunabroadcast@estadao.com
Siga a @colunadobroadcast no Twitter

Tudo o que sabemos sobre:

Mitre RealtyMoura DubeuxCuryCyrela

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: