Depois de vender prédio, Usiminas define nova sede

Depois de vender prédio, Usiminas define nova sede

Fernanda Guimarães

23 de fevereiro de 2021 | 05h10

Depois de vender sua sede em Belo Horizonte para a Fundação São Francisco Xavier, conforme antecipou a Coluna, a Usiminas já bateu o martelo sobre a “nova casa”. O Edifício Amadeus, no bairro Savassi, área nobre da capital mineira, vai abrigar os novos escritórios da siderúrgica. O contrato para o aluguel já foi fechado e a expectativa é que a mudança ocorra no próximo mês.

Em paz com a vizinhança. Em uma indicação de que a briga societária da Usiminas com a japonesa Nippon Steel está encerrada, elas serão vizinhas no novo endereço. Há alguns anos, ambas protagonizaram uma das maiores disputas do mundo corporativo com a argentina Ternium. Depois de acertados os ponteiros, foi definido o comando alternado da siderúrgica, hoje sob gestão da Ternium. Procurada, Usiminas disse que não confirma a informação.

 

contato: colunadobroadcast@estadao.com

Siga a @colunadobroad no Twitter

Tudo o que sabemos sobre:

Usiminas

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.