Disputa por horários da Avianca chega à França

Disputa por horários da Avianca chega à França

Coluna do Broadcast

13 de agosto de 2019 | 05h00

Por Letícia Fucuchima

A disputa pelos horários que eram da Avianca chegou à pequena cidade de Blagnac, no sul da França. Lá, a fabricante dos aviões turboélices ATR produziu um estudo que mostra que os modelos da empresa não teriam empecilhos técnicos para operar no aeroporto de Congonhas, em São Paulo. O ATR é usado pela Passaredo e MAP, duas das companhias que ganharam slots no terminal paulistano.

Petite différence

O estudo entregue às autoridades brasileiras mostra que o avião é ligeiramente mais lento no pouso que os jatos, mas é mais ágil na hora de deixar a pista. O documento derruba a tese da Azul de que o modelo prejudicaria o fluxo do aeroporto. Nessa briga de argumentos, alguns têm distribuído até um vídeo de um ATR da Azul pousando exatamente em Congonhas para mostrar que a operação é possível.

Contato: colunadobroadcast@estadao.com

Siga a @colunadobroadcast no Twitter

Para ver a Coluna do Broadcast sem delay, assine o Broadcast+

Tudo o que sabemos sobre:

avianca