Em 3 semanas, Sicoob já concedeu R$ 1,457 bi em crédito via PEAC

Em 3 semanas, Sicoob já concedeu R$ 1,457 bi em crédito via PEAC

André Ítalo Rocha

13 de outubro de 2020 | 05h00

Uma das instituições habilitadas a conceder crédito por meio das maquininhas, como parte das medidas do governo de apoio às empresas durante a pandemia, o Sicoob (Sistema de Cooperativas de Crédito do Brasil) já concedeu R$ 1,457 bilhão desde o último dia 18 de setembro, quando começou a liberar recursos nessa modalidade.

Socorro. O valor equivale a 78% das propostas na mesa, que somam R$ 1,862 bilhão. Os empréstimos têm sido feitos no âmbito do Programa Emergencial de Acesso ao Crédito (PEAC), que foi criado pelo governo para ajudar pequenas e médias empresas durante a crise pandêmica e permite que os estabelecimentos tomem crédito tendo como garantia os recursos que recebem por meio das vendas feitas pelas maquininhas.

Projeção. A expectativa do Sicoob é que cerca de 12 mil cooperados sejam atendidos pelo programa, coberto pelo Fundo Garantidor para Investimentos (FGI). Já foram feitas 8 mil propostas. Podem participar companhias que tenham registrado receita bruta superior a R$ 360 mil e inferior ou igual a R$ 300 milhões. O crédito mínimo é de R$ 5 mil e o máximo chega a R$ 10 milhões. O período de carência pode chegar a 12 meses e o prazo da operação pode ficar entre 12 e 60 meses. A taxa de juros está limitada a 1% ao mês.

 

Esta reportagem foi publicada no Broadcast+ no dia 12/10/2020 às 14:18:04 .

O Broadcast+ é uma plataforma líder no mercado financeiro com notícias e cotações em tempo real, além de análises e outras funcionalidades para auxiliar na tomada de decisão.

Para saber mais sobre o Broadcast+ e solicitar uma demonstração, acesse http://www.broadcast.com.br/produtos/broadcastplus/

Contato: colunabroadcast@estadao.com

Tudo o que sabemos sobre:

SicoobpandemiaPEAC

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: