Em meio à disputa por alta renda, Itaú quebra recorde de R$ 300 bi no private

Em meio à disputa por alta renda, Itaú quebra recorde de R$ 300 bi no private

Coluna do Broadcast

25 Dezembro 2016 | 05h00

Foto: Nilton Fukuda

(Foto: Nilton Fukuda)

O Itaú Unibanco quebrou o recorde de R$ 300 bilhões em recursos administrados no segmento private, com aumento de mais de 20% no mercado local neste ano em relação a 2015. O crescimento foi possível mesmo em um ambiente mais acirrado de concorrência, com os grandes bancos disputando cliente a cliente na alta renda em meio à integração do HSBC ao Bradesco e a venda do varejo do Citi para o próprio Itaú Unibanco.

Anistia

A lei da repatriação de recursos ajudou, mas não teria sido a principal alavanca. Em paralelo, a asset do Itaú também teve captação recorde. Ultrapassou, pela primeira vez, o patamar de meio trilhão de reais.

Siga a @colunadobroad no Twitter