Empresas se unem para fornecer infraestrutura tecnológica a cooperativas de crédito

Empresas se unem para fornecer infraestrutura tecnológica a cooperativas de crédito

Cynthia Decloedt

01 de maio de 2022 | 05h40

Joint venture vai fornecer softwares para as cooperativas  Foto: Pixabay

A empresa de tecnologia de serviços de pagamento C&M Software e a de processamento de dados Prodaf se uniram para fomentar a independência das cooperativas de créditos em relação aos bancos. A joint venture pretende fornecer a infraestrutura tecnológica e softwares para que as cooperativas possam operar de forma independente para oferecer produtos que fazem mais sentido à realidade dos associados, como conta digital, Pix, sistemas de empréstimo e open banking.

Joint venture mira 400 cooperativas nacionais

Anualmente, as cooperativas de crédito gastam aproximadamente R$ 100 milhões com produtos, tecnologias e serviços oferecidos por meio dos bancos e centrais. Na mira da joint venture estão as 400 cooperativas nacionais. Caso consiga prestar serviços a elas nos próximos cinco anos, como pretende, a empresa vai triplicar o número de cooperativas com as quais já faz negócios.

A C&M Software foi a primeira empresa do setor autorizada pelo Banco Central a ser uma provedora de serviços de tecnologia no Sistema de Pagamentos Brasileiro (SPB) e tem faturamento previsto para este ano de R$ 20 milhões. A companhia lidera o mercado de fornecimento de mensageria para o PIX e desde 2013 tem filial nos Estados Unidos. A Prodaf trabalha com cooperativas de crédito desde 1976 e nasceu como uma empresa de contabilidade, posteriormente se consolidando no segmento de processamento de dados.

 

Esta nota foi publicada no Broadcast no dia 29/04/22, às 16h11.

O Broadcast+ é uma plataforma líder no mercado financeiro com notícias e cotações em tempo real, além de análises e outras funcionalidades para auxiliar na tomada de decisão.

Para saber mais sobre o Broadcast+ e solicitar uma demonstração, acesse.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.