Entidades tentam frear na Câmara PL que muda recuperação judicial

Economia & Negócios

08 Julho 2018 | 04h00

Temendo que o projeto que chegou à Câmara para alteração na lei de recuperação judicial siga adiante em seu atual formato, entidades se mobilizam em Brasília para frear os trâmites que, eventualmente, pudessem levar à sua votação ainda este ano. Basicamente, o que está sendo desenhado pelos envolvidos para arrastar o processo é recomeçar o projeto do zero. Para esse trabalho, a Câmara contaria com o auxílio de advogados que aconselharam a equipe do então ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, e que também não gostaram do desenho final do projeto.

Abafa. O movimento tem como base a percepção de que o projeto está distorcido em relação ao proposto pelo grupo de trabalho, beneficiando excessivamente o Fisco e pouco as empresas e credores. O projeto de lei chegou à Câmara dos Deputados em maio, após gestação de mais de um ano no Ministério da Fazenda.