Explosão de IPOs provoca corrida por profissionais de relações com investidores

Explosão de IPOs provoca corrida por profissionais de relações com investidores

Circe Bonatelli

17 de julho de 2021 | 10h30

Foto: Daniel Teixeira/Estadão

Pesquisa realizada pela ZRG Brasil, empresa de recursos humanos para o alto escalão, aponta que 51% dos profissionais de relações com investidores em posições de gerência ou diretoria não se interessam em avaliar propostas para mudar de emprego. O estudo aponta ainda que 80% deles estão há menos de um ano atuando em um projeto específico de oferta inicial de ações (IPO, na sigla em inglês).

O levantamento foi feito com 152 profissionais da área inseridos em 115 empresas mapeadas nos diferentes segmentos: bens de consumo, digital, energia, indústria pesada, real state, saúde, seguros, serviços B2C, serviços financeiros, tecnologia, telecomunicações e varejo.

Neste ano, a Bolsa deve movimentar dezenas de bilhões de reais em IPOs, com cerca de 30 operações no radar. Com a demanda aquecida, os profissionais estão mais criteriosos ao ouvirem propostas e fazem uma avaliação mais crítica sobre o caso, observa Bruno Lino, sócio e diretor da ZRG Brasil. Ele diz que a área de RI está com alta demanda por profissionais experientes, mas a oferta é limitada. Para não ficar sem um time de relações com investidores, o jeito tem sido trazer profissionais de outras áreas, afirma.

Esta reportagem foi publicada no Broadcast+ no dia 16/07/2021, às 19h02.

Broadcast+ é uma plataforma líder no mercado financeiro com notícias e cotações em tempo real, além de análises e outras funcionalidades para auxiliar na tomada de decisão.

Para saber mais sobre o Broadcast+ e solicitar uma demonstração, acesse 

Contato: colunabroadcast@estadao.com

Tudo o que sabemos sobre:

RI#IPO #bolsaZRG

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.