Greve de caminhoneiros e dólar forte afetam dados de junho de laboratórios

Greve de caminhoneiros e dólar forte afetam dados de junho de laboratórios

Economia & Negócios

14 Junho 2018 | 04h00

A recente greve dos caminhoneiros e a alta do dólar terão impacto nos laboratórios farmacêuticos do País. A greve comprometeu o cronograma de produção do setor e reduziu o faturamento dos laboratórios, segundo o Grupo FarmaBrasil, que reúne algumas das empresas do segmento instaladas no País. O setor foi um dos que mais cresceu entre as indústrias em abril e a previsão da entidade é de que o ritmo seja interrompido em junho. Em 2017, os laboratórios faturaram R$ 17 bilhões.

Bons números. Em abril, o setor teve crescimento de 5,6% ante igual mês de 2017, aponta o Instituto de Estudos para o Desenvolvimento Industrial (Iedi). A FarmaBrasil prevê que essa expansão se repita em maio.

Siga a @colunadobroad no Twitter