Greve derruba faturamento da Tokio Marine, mas sinistro vai junto

Greve derruba faturamento da Tokio Marine, mas sinistro vai junto

Economia & Negócios

03 Julho 2018 | 04h00

A greve dos caminhoneiros em maio puxou para baixo o faturamento da seguradora japonesa Tokio Marine, que até então vinha de vento em popa. Os prêmios encolheram 5% no mês passado, impactados, principalmente, pela carteira de transporte. No acumulado do ano até maio, porém, a seguradora segue com alta de mais de 8% em relação a um ano, taxa esta que desacelerou em função do reflexo das paralisações.

Próxima fase
A boa notícia é que a sinistralidade caiu junto e mais do que compensou a queda dos prêmios. E a despeito do cenário econômico mais desafiador, a Tokio segue otimista e espera que seus prêmios cresçam dois dígitos neste ano em relação ao exercício de 2017.

Para ver a Coluna do Broadcast sem o delay assine o Broadcast+ e veja todos as notícias em tempo real.

Siga a @colunadobroad no Twitter