Incertezas sobre reformas faz demanda por crédito cair forte em agosto

Incertezas sobre reformas faz demanda por crédito cair forte em agosto

Cynthia Decloedt

27 de setembro de 2020 | 05h10

A falta de indicação mais clara sobre o andamento das reformas administrativas e tributária e as incertezas em relação à extensão do auxilio emergencial represou a busca por crédito entre as empresas no mês de agosto. Dados do Serasa Experian mostram que a demanda caiu 6% em agosto na comparação com o mesmo mês do ano passado.

Foi o segundo mês de retração. Em julho, o indicador do Serasa Experian já havia apontado queda de 0,1% frente a julho de 2019. Segundo o economista da Serasa Experian, Luiz Rabi, as incertezas esfriaram o ânimo dos empresários, que preferiram aguardar o desenrolar desses temas. A cautela na contratação empréstimos se concentrou nas micro e pequenas empresas, nas quais a demanda cedeu 6,1% em agosto, em base anual, seguidas pelas médias (-4,7%) e grandes (-1,5%).

contato: colunabroadcast@estadao.com

Siga a @colunadobroad no Twitter

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: