Invepar avalia alternativas para pagar Mubadala

Invepar avalia alternativas para pagar Mubadala

Coluna do Broadcast

02 Novembro 2018 | 04h00

A Invepar já avalia alternativas para honrar seu compromisso de cerca de R$ 1,2 bilhão com o fundo Mubadala, de Abu Dabi, que vence no final do ano, diante de dificuldades em fechar uma captação externa de cerca de US$ 500 milhões. Depois de uma semana de apresentações (roadshow) da operação para emissão de bônus, os investidores exigiram reforço das garantias, arrastando as conversas por mais uma semana.

Pediram que, em vez de terem somente os dividendos da Linha Amarela e do MetroRio como garantia, também a geração de caixa ficasse comprometida para honrar o juro dos papéis. A empresa resistiu porque, dessa forma, estaria travada para usar as duas melhores fontes de receita do grupo para cumprir obrigações em outras empresas, que têm geração de caixa menor e obrigações financeiras elevadas, como o Aeroporto de Guarulhos. Procurada, a Invepar não comentou.

Siga a @colunadobroad no Twitter

Para ver a Coluna do Broadcast sem o delay assine o Broadcast+ e veja todos as notícias em tempo real.

Mais conteúdo sobre:

Inveparcrédito