J. Safra investe em aceleradora de startups Darwin

J. Safra investe em aceleradora de startups Darwin

Coluna do Broadcast

23 de maio de 2019 | 04h00

Antenado nas transformações digitais, o Grupo J.Safra se uniu à B3, Neoway, RTM e TransUnion para investir no programa de aceleração da Darwin, focada nas áreas de finanças (fintechs), seguros (insurtechs), big data, TI e telecom. Anualmente, a Darwin seleciona startups para acelerar com investimentos de R$ 200 mil a R$ 500 mil em 12 meses.

DNA. O Grupo J. Safra está de olho em soluções para acompanhar mudanças nos hábitos de consumo dos produtos financeiros, que estão deixando para trás as tradicionais com a entrada das startups no mercado financeiro.

Sem fronteira. Na China, por exemplo, onde as soluções de meios de pagamentos têm se desenvolvido com maior velocidade no mundo, os bancos perderam US$ 47 bilhões em receitas com cartões físicos no ano passado para serviços de pagamento móveis e via internet, de acordo com a consultoria em meios de pagamento na região da Ásia/Pacífico, Kapronasia. O fundador da Kapronasia, Zennon Kapron, chamou a atenção também, durante uma conferência da ABFintech e StartSe, realizada ontem em São Paulo, para as novas gerações na região, conhecidas como millennials. Segundo pesquisa feita por sua consultoria, além de 85% dos entrevistados não verem diferença entre os serviços oferecidos pelos bancos tradicionais, metade não se importa em compartilhar virtualmente informações de consumo para criação de produtos financeiros.

contato : colunabroadcast@estadao.com

Siga a @colunadobroad no Twitter

Para ver a Coluna do Broadcast sem o delay assine o Broadcast+

Tudo o que sabemos sobre:

Startup

Tendências: