Locação de máquinas e ferramentas para construção deve subir até 20% em 2020

Locação de máquinas e ferramentas para construção deve subir até 20% em 2020

Circe Bonatelli

06 de março de 2020 | 04h30

foto: Patrícia Cruz / AE

O mercado de locação de equipamentos e máquinas para construção civil no País deve ter crescimento de 15% a 20%, em 2020. Com 19 mil empresas em todo o Brasil e capacidade para gerar 250 mil empregos diretos, esse mercado movimentou R$ 7,1 bilhões em 2019, de acordo com a Analoc, associação nacional do setor. A entidade avalia que os negócios gerados nos dois primeiros meses de 2020 já foram melhores comparados com mesmo período de 2019.

Ócio. Atualmente, 46% das máquinas estão alugadas, nível ainda baixo e que reflete o fim do ciclo de obras, após o período de crise do mercado imobiliário. Com a expectativa de retomada dos prédios residenciais após um grande volume de lançamentos nos meses anteriores, a ocupação do portfólio também deve subir em torno de 15% a 20% neste ano, projeta a associação.

Contato: colunabroadcast@estadao.com

Siga a @colunadobroadcast no Twitter

Quer saber mais sobre o Broadcast? Fale conosco 

 

Tudo o que sabemos sobre:

construção civilimóveis#imobiliário

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.