Lone Star deve entrar com recurso contra plano de RJ do Atvos

Lone Star deve entrar com recurso contra plano de RJ do Atvos

Cynthia Decloedt

20 de agosto de 2020 | 05h31

 FOTO: THIAGO TEIXEIRA/AE

Os fundos Lone Star e Castlelake estudam entrar com recurso contra o plano de recuperação judicial do Atvos, grupo de empresas de açúcar e álcool da Odebrecht, homologado ontem pela Justiça. Os fundos já haviam declarado, antes mesmo da aprovação pelos credores em maio, que não reconheceriam o plano. O argumento é que a estratégia traçada não conseguirá recuperar o Atvos. Os fundos dizem ter um plano melhor, envolvendo uma proposta de injeção de mais de R$ 300 milhões – devidamente recusado pela Odebrecht.

Longa disputa. O recurso judicial se somaria à batalha que os fundos e a Odebrecht disputam em relação ao Atvos. A Odebrecht foi surpreendida pelo movimento dos fundos que adquiriram o controle do Grupo Atvos pagando US$ 5 milhões por ações que haviam sido dadas em garantia a bancos peruanos. Com a alegação de que o valor da compra não reflete o tamanho do grupo e que não havia sido avisada, a Odebrecht levou o caso para câmara arbitral. Procurados, os fundos e a Odebrecht não comentaram.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.