Mafra Hospitalar, dos Godoy Bueno, compra distribuidora de remédios Expressa

Mafra Hospitalar, dos Godoy Bueno, compra distribuidora de remédios Expressa

Mônica Scaramuzzo

09 de janeiro de 2020 | 05h00

A Mafra Hospitalar, da empresa DNA Capital – controlada pelos herdeiros do empresário Edson de Godoy Bueno, donos do laboratório Dasa e grupo de hospitais Impar – comprou a concorrente Expressa, que fatura R$ 1,5 bilhão. Uma das maiores empresas de distribuição de medicamentos no País, a Mafra, que fatura R$ 3 bilhões e é dona da Cremer (ex-Tarpon), quer ser uma grande consolidadora desse setor, a exemplo do que tem feito o fundo Pátria. O valor do negócio, que precisa ser aprovado pelo Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica), não foi revelado.

 

Notícia publicada no dia 08/01/2020, às 17:46:54

Contato: colunabroadcast@estadao.com
Siga a @colunadobroadcast no Twitter

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: