Maior credor do Heber, Caixa quer sua dívida fora da recuperação judicial

Maior credor do Heber, Caixa quer sua dívida fora da recuperação judicial

Coluna do Broadcast

22 de agosto de 2017 | 05h00

A Caixa Econômica Federal quer impugnar a lista de credores do Grupo Heber, na qual consta como detentor quirografário de dívida – ou seja, que não tem garantias atreladas à sua exposição, de cerca de R$ 2,8 bilhões. A reclamação do banco estatal é de que seus créditos estão garantidos e devem ficar fora do processo de recuperação na Justiça. Alega ainda que a Concessionária SPMar, do Grupo Heber, está alienada à Caixa e que é detentora de todos os recebíveis da concessão. O Heber entrou com pedido de recuperação judicial na semana passada, com uma dívida total de R$ 7,8 bilhões.

Como tudo começou
A SPMar é responsável pelos trechos Leste e Sul do Rodoanel Mário Covas, que interliga as rodovias estaduais paulistas Anchieta e Imigrantes às rodovias Ayrton Senna e Presidente Dutra. A concessão foi obtida em 2011. Procurado, o Grupo Heber informa que está convencido de que os argumentos para o seu pedido de Recuperação Judicial são sólidos e consistentes. Diz ainda que “aguarda com tranquilidade e otimismo a decisão da Justiça”.

Siga a @colunadobroad no Twitter