Maior volatilidade no câmbio aumenta procura por hedge

Economia & Negócios

28 Dezembro 2016 | 05h00

A volatilidade no câmbio no final deste ano, em meio às incertezas no cenário político-econômico, contribuiu para acelerar a demanda por hedge cambial por parte das grandes empresas. A procura cresceu 25% no Itaú Unibanco ao longo do último trimestre do ano em relação aos três meses imediatamente anteriores.

Mais em 2017. Apesar de o consolidado anual não ter repetido o ritmo de 2015, o banco espera expansão de 30% nas operações de hedge cambial por parte de grandes empresas no próximo ano.

Siga a @colunadobroad no Twitter