Movimento nas rodovias ainda está 1% abaixo do nível pré-pandêmico

Movimento nas rodovias ainda está 1% abaixo do nível pré-pandêmico

André Ítalo Rocha

31 de dezembro de 2020 | 05h04

FOTO TIAGO QUEIROZ/ESTADÃO

 

Apesar da reabertura gradual da economia nos últimos meses, o movimento nas principais rodovias do País ainda está abaixo do nível anterior à pandemia. É o que aponta um índice calculado pela Repom, empresa que oferece um cartão a transportadores para pagamentos de pedágios e fretes.

Quase lá. Segundo levantamento feito a partir das transações registradas pelo cartão, o mês de novembro teve um ritmo de passagens 1% inferior ao que foi apresentado nos primeiros dois meses do ano, os últimos antes do início da quarentena no Brasil. Na BR-116, por exemplo, rodovia litorânea que começa no Ceará e vai até o Rio Grande do Sul, o nível ainda está 2,3% abaixo.

Contato: coluna.broadcast@estadao.com

 

Esta reportagem foi publicada no Broadcast+ no dia 30/12/2020 às 17:30

O Broadcast+ é a plataforma líder no mercado financeiro com notícias e cotações em tempo real, além de análises e outras funcionalidades para auxiliar na tomada de decisão.

Para saber mais sobre o Broadcast+ e solicitar uma demonstração, acesse
http://www.broadcast.com.br/produtos/broadcastplus/

Contato: colunabroadcast@estadao.com

Tudo o que sabemos sobre:

rodoviamovimento

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.