Novo presidente da BB Consórcios encara desafio de substituir o chefão e manter desempenho recorde

Novo presidente da BB Consórcios encara desafio de substituir o chefão e manter desempenho recorde

Marcelo Mota

21 de maio de 2021 | 05h45

Foto: Fabio Motta/Estadão

O substituto do agora presidente do Banco do Brasil, Fausto Ribeiro, foi definido. Conforme antecipou o Broadcast, Rodrigo Vasconcelos, executivo do BB há quase 20 anos, vai presidir a BB Consórcios. Era gerente-executivo de Meios de Pagamentos do banco público e, antes, de Clientes Varejo, nos segmentos de micro e pequenas empresas e pessoa física.

Vasconcelos chega com a missão de substituir o agora chefe e manter a trajetória dos consórcios, mercado que vem batendo recordes consecutivos. Na BB Consórcios não é diferente. Nos primeiros quatro meses deste ano, vendeu mais de R$ 5,3 bilhões, melhor marca já alcançada pela instituição nesse período e 5% maior que um ano antes.

Peso

Recém-empossado e ainda sob a sombra da interferência política que o levou ao comando do BB, Ribeiro, quando questionado por analistas financeiros durante apresentação dos resultados do banco a respeito de sua aptidão para o cargo, destacou a importância do negócio que presidia até então. De janeiro a abril, a área já rendeu R$ 247,2 milhões ao BB, 24% acima do lucro obtido no mesmo período de 2020. Com 728,3 mil clientes e 1,161 milhão de cotas vendidas, a carteira administrada pela companhia é de R$ 52,5 bilhões.

Esta reportagem foi publicada no Broadcast+ no dia 20/05, às 11h17.

O Broadcast+ é uma plataforma líder no mercado financeiro com notícias e cotações em tempo real, além de análises e outras funcionalidades para auxiliar na tomada de decisão.

Para saber mais sobre o Broadcast+ e solicitar uma demonstração, acesse.

Contato: colunabroadcast@estadao.com

Tudo o que sabemos sobre:

banco do brasilconsórciosCEOS

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.