OEC se reúne com credores em NY para fechar acordo de recuperação extrajudicial

OEC se reúne com credores em NY para fechar acordo de recuperação extrajudicial

Coluna do Broadcast

02 de agosto de 2019 | 04h00

A construtora do grupo Odebrecht, a OEC, reuniu-se nesta quinta-feira com credores detentores de US$ 3 bilhões em bônus garantidos pela empresa para fechar um acordo de reestruturação dessa dívida. A negociação será uma das bases para a formulação do plano de recuperação judicial da holding. A OEC não está em recuperação judicial e o grupo trabalha numa reestruturação extrajudicial, que precisa da adesão de 60% dos credores.

Direito. Mas a OEC é a garantidora dos bônus e não a empresa emissora dos papéis, no caso da Odebrecht Finance que está em recuperação judicial. Ou seja, esses credores têm direito a voto no plano de recuperação da holding e provavelmente o acordo fechado com a OEC abordará pontos de interesse na votação do plano de reestruturação do grupo.

Condições. Alguns credores, como a Caixa, já se manifestaram ao juiz, pedindo que a Odebrecht Finance fique de fora da recuperação judicial. O grupo tem até meados desse mês para apresentar à Justiça um plano de reestruturação. Procuradas, a OEC e a Odebrecht não comentaram.

Contato: colunadobroadcast@estadao.com

Siga a @colunadobroadcast no Twitter

Para ver a Coluna do Broadcast sem delay, assine o Broadcast+

Tudo o que sabemos sobre:

odebrecht

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: