Pagamento de 30% pode ser solução para bônus da Andrade Gutierrez

Pagamento de 30% pode ser solução para bônus da Andrade Gutierrez

Economia & Negócios

28 Junho 2018 | 04h00

O pagamento de 30% dos US$ 325 milhões em bônus da Andrade Gutierrez, que estão vencidos há dois meses, tem sido considerado como possibilidade para resolver essa pendência. Já os 70% restantes seriam honrados por meio da emissão de novos bônus com vencimento em três anos. Após a desistência da gestora norte-americana Pimco de organizar uma operação de empréstimo para a Andrade, a Ashmore, maior credora dos bônus, tem buscado alternativas para evitar a efetivação do calote, o que forçaria a reestruturação dessa e de outras dívidas da companhia. Uma das preocupações da Ashmore é uma eventual disputa com os bancos credores na reestruturação dessa dívida.

Siga a @colunadobroad no Twitter