Pagamentos por aproximação mais que triplicam no Brasil

Pagamentos por aproximação mais que triplicam no Brasil

Coluna do Broadcast

09 Setembro 2018 | 05h00

Os pagamentos por aproximação saltaram 344% no Brasil entre o segundo semestre de 2017 e o primeiro semestre deste ano, segundo dados internos da bandeira de cartões Mastercard. No mundo, uma em cada cinco transações feitas de forma presencial é realizada sem contato (do inglês, contactless).

Tem espaço. Apesar do crescimento no País, os pagamentos por aproximação engatinham no Brasil. Tanto é que a Mastercard espera que esse segmento cresça 20 vezes em número de transações até o final deste ano. Atualmente, mais de 2600 cidades de todos os estados do país já estão aptas a realizar pagamentos por aproximação sendo que São Paulo, Rio de Janeiro e Brasília são líderes em número de transações realizadas.

Por uma boa causa. No início do ano, as concorrentes Elo, Visa e MasterCard se uniram para desenhar uma proposta para expandir o pagamento por aproximação no Brasil feito via a tecnologia NFC (Near Field Communication). O projeto, tocado dentro de um grupo trabalho junto à Associação Brasileira das Empresas de Cartões de Crédito e Serviços (Abecs), visa a padronizar as maquininhas (POS, na sigla em inglês) no País.

Siga a @colunadobroad no Twitter