Perto de IPO, BR Partners assume liderança em CRIs

Perto de IPO, BR Partners assume liderança em CRIs

Por Fernanda Guimarães

28 de julho de 2020 | 05h00

Foto: JF Diorio/Estadão

A um mês de abrir seu capital na B3, o banco BR Partners assumiu a liderança da emissão de Certificados de Recebíveis Imobiliários (CRIs) no primeiro semestre do ano, segundo dados da Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais (Anbima). Na sequência do ranking, estão XP Investimentos e Bradesco BBI.

Força. A oferta inicial de ações (IPO, na sigla em inglês) da BR Partners, banco fundado há dez anos por Ricardo Lacerda (foto), Andrea Pinheiro e Jairo Loureiro, está programada para setembro. Será da ordem de R$ 600 milhões e o dinheiro será usado exatamente para impulsionar a área de mercado de capitais. O BTG Pactual foi contratado como coordenador líder. Também trabalharam na oferta do Bank of America Merrill Lynch, Itaú BBA e o Credit Suisse. Procurado, o banco não comentou.

Esta reportagem foi publicada no Broadcast+ no dia 27/07 às 10h52.

O Broadcast+ é uma plataforma líder no mercado financeiro com notícias e cotações em tempo real, além de análises e outras funcionalidades para auxiliar na tomada de decisão.

Para saber mais sobre o Broadcast+ e solicitar uma demonstração, acesse http://www.broadcast.com.br/produtos/broadcastplus/

Contato: colunabroadcast@estadao.com

Siga a @colunadobroad no Twitter

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.