Picpay, controlado por J&F e Original, mira salto de 15 vezes em 2020

Coluna do Broadcast

10 de outubro de 2019 | 04h00

O PicPay, carteira digital controlada pela J&F Participações e o Banco Original, espera dar grandes voos no próximo ano. Sua meta é entregar um crescimento de 15 vezes no volume transacionado pelo aplicativo entre 2018 e 2020. Caso a previsão se confirme, poderá atingir o recorde de R$ 25 bilhões em seu aplicativo no próximo ano, ante R$ 1,7 bilhão em 2018.

Empurrão. Atualmente, o PicPay transaciona mensalmente R$ 500 milhões. Até julho de 2020, com 20 milhões de usuários, a expectativa da companhia é alcançar R$ 2 bilhões de transações por mês. Um dos fatores que deve dar impulso para bater tal meta é a implementação do sistema de open banking no Brasil, previsto para o segundo semestre de 2020 e que permitirá o compartilhamento de informações dos clientes no setor financeiro.

Contato: colunabroadcast@estadao.com
Siga a @colunadobroadcast no Twitter

Tudo o que sabemos sobre:

Picpay

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: