PicPay traz ex-Netflix para dar escala a análise de dados

PicPay traz ex-Netflix para dar escala a análise de dados

Matheus Piovesana

14 de dezembro de 2021 | 05h20

PicPay quer ampliar capacidade de análise dos dados gerados durante o uso do app  Foto: Rogério Cassimiro/Divulgação

A fintech PicPay está trazendo Martin Spier para liderar sua área de produção e plataformas de dados. Brasileiro, Spier tem ampla experiência em lidar com dados, mas no Vale do Silício: durante oito anos, foi arquiteto de performance sênior da Netflix, e mais recentemente, passou pela empresa de computação em nuvem Snowflake. O PicPay quer ampliar sua capacidade de análise dos dados gerados durante o uso do aplicativo para tomar decisões a partir deles.

Gaúcho, Spier atuava em empresas de tecnologia dos Estados Unidos desde o começo da década passada. Passou a maior parte desse tempo na Netflix, na qual ajudou a construir ferramentas ligadas à experiência dos usuários, como as que analisam o caminho que cada pessoa percorre dentro da plataforma. Ele também é venture advisor da gestora brasileira de venture capital (que compra participações em startups) Monashees.

O novo desafio continuará sendo em solo americano. Spier permanecerá morando nos Estados Unidos, e virá para o Brasil a serviço da companhia em algumas ocasiões.

 

Esta nota foi publicada no Broadcast+ no dia 13/12/21, às 16h53.

O Broadcast+ é uma plataforma líder no mercado financeiro com notícias e cotações em tempo real, além de análises e outras funcionalidades para auxiliar na tomada de decisão.

Para saber mais sobre o Broadcast+ e solicitar uma demonstração, acesse.

Contato: colunabroadcast@estadao.com

Tudo o que sabemos sobre:

PicpayNetflixdadosplataformafintech

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.