PMEs e setor de serviços lideram demanda por crédito em junho

PMEs e setor de serviços lideram demanda por crédito em junho

Cynthia Decloedt

26 de julho de 2020 | 05h00

As pequenas e médias empresas, assim como o setor de serviços – que estiveram entre os mais atingidos pela crise – lideraram o indicador de demanda por crédito do Serasa Experian. Em junho, ele teve o segundo mês consecutivo de alta. Na avaliação de Luiz Rabi, economista da empresa, o segmento de serviços se prepara para a retomada, ao mesmo tempo em que busca reequilibrar as contas.

Em junho, a demanda por crédito subiu 12,1% em todos os segmentos econômicos na comparação com maio, quando já havia mostrado alta de 12,3%. Frente a junho do ano passado, a busca por dinheiro novo subiu pela primeira vez, em 5,3%. A demanda por crédito no setor de serviços cresceu 15,7% em junho em relação a maio e 8,5% frente a junho do ano passado.

As pequenas e médias empresas mostraram crescimento de 12,8% no apetite por crédito em junho frente a maio, enquanto a demanda entre as empresas de médio e grande porte caiu 3,8% e 4,5%, respectivamente.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: