Prêmio abaixo de 1% em debêntures sinaliza virada no apetite de gestores

Economia & Negócios

21 de outubro de 2016 | 05h00

Negócios com debêntures sem isenção de Imposto de Renda de empresas de primeira linha no mercado secundário sinalizam que gestores que administram fundos de investimento nos bancos estão mais dispostos a tomar risco. O prêmio oferecido por alguns desses papéis aos compradores está, desde agosto, abaixo de 1%.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: