Procura por crédito imobiliário dispara com juros baixos, aponta fintech

Procura por crédito imobiliário dispara com juros baixos, aponta fintech

Circe Bonatelli

09 de agosto de 2020 | 05h50

Prédio em obra mostra expansão do mercado imobiliário. Crédito da foto: Rafael Arbex / Estadão

Prédio em obra mostra expansão do mercado imobiliário. Crédito da foto: Rafael Arbex / EstadãoA consultoria de crédito Melhortaxa recebeu, em julho, 8.500 pedidos de financiamento de imóvel através da sua plataforma digital. Esse foi o maior número já registrado em um mês desde a fundação da fintech, em 2014. Já no acumulado de janeiro a julho, houve cerca de 41 mil pedidos de crédito. A alta nas buscas foi de 90% em relação ao mesmo período de 2019.

Tá barato. Apesar da pandemia, o que explica o salto na procura é a taxa média de juros efetiva praticada pelos bancos, que está em 7,16%, um recorde de baixa. Na visão do fundador da Melhortaxa, Rafael Sasso, ainda há espaço para novas reduções, puxadas pela última queda da Selic para 2% ao ano.

Contato: colunabroadcast@estadao.com

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: