Queiroz Galvão mantém acordo com Petrobras e bônus chegam a saltar 35%

Coluna do Broadcast

25 Novembro 2016 | 05h00

Os bônus da Queiroz Galvão Óleo e Gás que financiaram sondas e embarcações de perfuração de petróleo com vencimento em 2019 saltaram 35% nos últimos dias. O motivo foi um comunicado enviado a esses credores informando a manutenção do contrato de fretamento e prestação de serviços com a Petrobrás.

 

Siga a @colunadobroad no Twitter