Sequóia Properties cresce em gestão imobiliária

Sequóia Properties cresce em gestão imobiliária

Circe Bonatelli

17 de abril de 2022 | 06h30

 

Imóvel do colégio Lourenço Castanho, na Vila Nova Conceição, faz parte do portfólio da Sequóia Properties / Foto: Alex Silva / Estadão

 

A Sequóia Properties tem visto crescer linhas de negócios, a começar pela gestão imobiliária. Em 2021, eram 349 imóveis residenciais e comerciais sob sua administração, avaliados em R$ 560 milhões. Um ano depois, são 450 imóveis, que somados valem R$ 770 milhões. A alta se deu de forma orgânica, com a atração de ricaços e family offices em busca de uma gestão profissional para seus ativos.

Com os juros em alta, muitos investidores tiraram recursos do mercado financeiro para aplicar o dinheiro em tijolos, tendência que deve continuar nos próximos trimestres, segundo o CEO da Sequóia, Joaquim Azevedo.

Portfólio inclui de escola a galpões, passando por apartamentos

O portfólio sob gestão da companhia engloba unidades variadas. Entram aí, por exemplo, o imóvel no qual funciona o Colégio Lourenço Castanho, na Vila Nova Conceição; um prédio com 44 apartamentos mobiliados para locação, em Pinheiros; e um galpão industrial locado para a Total Química, em Embu das Artes.

 

Esta reportagem foi publicada no Broadcast+ no dia 15/04/2022, às 13:04:05.

O Broadcast+ é uma plataforma líder no mercado financeiro com notícias e cotações em tempo real, além de análises e outras funcionalidades para auxiliar na tomada de decisão.

Para saber mais sobre o Broadcast+ e solicitar uma demonstração, acesse 

Contato: colunabroadcast@estadao.com

Siga a @colunadobroad no Twitter

Tudo o que sabemos sobre:

Sequóia Properties

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.