Setor de construção aumenta fila para IPO

Setor de construção aumenta fila para IPO

Fernanda Guimarães e Circe Bonatelli

11 de fevereiro de 2020 | 05h00

Foto: Patrícia Cruz / AE

A fila das empresas do setor de construção para abertura de capital não para de crescer. Além da Moura Dubeux, que precifica amanhã, dia 11, sua oferta – e observa elevada demanda entre os investidores – e da Canopus, que já protocolou seu pedido de registro de oferta inicial de ações (IPO, na sigla em inglês), Tegra e Yuny também estão se movimentando para seguir o mesmo caminho. Ainda do setor a Cury já tem bancos contratados, assim como a You. A Mitre Realty estreou na B3 na semana passada, dez anos depois do último IPO de uma incorporadora, da Direcional em 2009. Tegra não comentou e Yuny negou os planos de abrir capital.