Torres para montar rede 5G vão requerer investimento de R$ 6 bi em 5 anos

Torres para montar rede 5G vão requerer investimento de R$ 6 bi em 5 anos

Circe Bonatelli

11 de março de 2021 | 11h00

Antenas de telefonia e dados móveis vão ganhar mais importância com chegada do 5G. Foto: Estadão

A preparação da infraestrutura para acomodar as antenas para a internet móvel de quinta geração (5G) demandará investimentos da ordem de R$ 6 bilhões, de acordo com a Associação Brasileira de Infraestrutura de Telecomunicações (Abrintel). A previsão é que os desembolsos sejam feitos ao longo dos próximos cinco anos na construção de torres, postes e posteletes em fachadas e topos de prédios.

Concorrentes. Esse mercado está nas mãos das empresas apelidadas de ‘torreiras’, depois que as teles – casos de Vivo, TIM e Oi – decidiram vender essas propriedades e se tornar inquilinas. A mexicana América Móvil (dona da Claro) também está criando uma empresa independente para cuidar só das torres.

Em alta. O mercado deve ficar ainda mais aquecido nos próximos anos, pois a cobertura 5G precisará de cinco vezes mais antenas do que o 3G e o 4G, de acordo com estimativa da Abrintel. Quanto maior a frequência, menor o alcance do sinal. Portanto, frequências mais altas (caso do 5G, que vai transitar em 3,5 Ghz e 26 Ghz) precisam de mais pontos.

Gargalo. Entretanto, o maior problema para as empresas não é financeiro, mas sim as leis municipais que restringem a instalação de antenas e/ou dificultam o processo de licenciamento, que pode passar de dois anos, como em São Paulo. “O edital do 5G traz obrigações de cobertura, mas como fazer isso se tem lei que limita a instalação das antenas?”, diz o presidente da Abrintel, Luciano Stetz.

Mobilização. Nos próximos dias, a associação lançará a campanha “Antene-se”, voltada a prefeitos e vereadores, sobre a necessidade de simplificar a legislação municipal.

Esta reportagem foi publicada no Broadcast+ no dia 10/03 às 12h59.

O Broadcast+ é uma plataforma líder no mercado financeiro com notícias e cotações em tempo real, além de análises e outras funcionalidades para auxiliar na tomada de decisão.

Para saber mais sobre o Broadcast+ e solicitar uma demonstração, acesse http://www.broadcast.com.br/produtos/broadcastplus/

Contato: colunabroadcast@estadao.com

Siga a @colunadobroad no Twitter

 

Tudo o que sabemos sobre:

5Gtelecom

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.