Transfero quer US$ 100 mi com fundos de criptomoedas

Transfero quer US$ 100 mi com fundos de criptomoedas

Coluna do Broadcast

01 de setembro de 2019 | 04h00

A gestora de investimentos em criptomoedas Transfero Swiss mira uma captação de US$ 100 milhões em seus fundos de criptoativos, apostando no ambiente no qual investidores estão a cada dia mais em busca de rentabilidade, dado o cenário de juros baixos ou até mesmo negativos nos países desenvolvidos. Entre as opções na prateleira da gestora há um fundo multimercado de criptoativos, cujo objetivo é superar os ganhos do bitcoin, a criptomoeda mais famosa. A gestora, com base na Suíça, segue em roadshow com fundos e investidores.

Tudo Ok. No Brasil, a Comissão de Valores Mobiliários (CVM) permite que fundos locais tenham exposição nesse tipo de ativo de forma indireta, ou seja, por meio da aquisição de cotas de fundos situados em outras jurisdições onde esses ativos sejam “admitidos e regulamentados”.

contato: colunabroadcast@estadao.com

Siga a @colunabroadcast no Twitter

Tudo o que sabemos sobre:

criptomoeda

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: