Três nomes já disputam comando da CVM no lugar de Leonardo Pereira

Coluna do Broadcast

07 de abril de 2017 | 05h00

A corrida pelo sucessor de Leonardo Pereira na presidência da Comissão de Valores Mobiliários (CVM) começa a esquentar. Entre os nomes aventados estão o de Edson Garcia, ex-Advocacia Geral da União (AGU) e ex-funcionário da CVM; Marcelo Barbosa, sócio do escritório Vieira, Rezende, Barbosa e Guerreiro; e Luiz Antônio Sampaio Campos, um dos fundadores do Barbosa, Müssnich Aragão Advogados, além de ex-diretor da CVM. O mandato de Pereira termina em julho.

Siga a @colunadobroad no Twitter