UBS, Julius Baer e mais quatro avaliam compra do family office Consenso

Coluna do Broadcast

04 de dezembro de 2016 | 08h46

Os bancos suíços UBS e Julius Baer estão de olho no family office Consenso, fundado em 2003 por ex-executivos do Banco BBA Creditanstalt. Mas não estão sozinhos. O family office, com R$ 20,6 bilhões sob gestão, tem nesse momento conversas com outros quatro bancos interessados no negócio. Para ser comprada, o Consenso quer garantia de que o comprador não esteja interessado somente em incorporar a carteira de clientes, mas perpetuar as práticas da atual gestão.

Siga a @colunadobroad no Twitter

Tendências: