Vacância em prédios corporativos de alto padrão no rio sobe e preocupa

Vacância em prédios corporativos de alto padrão no rio sobe e preocupa

Coluna do Broadcast

04 Novembro 2016 | 05h00

portomaravilha_marcos de paula_blog

(Foto: Marcos de Paula/Estadão)

A crise no mercado imobiliário no Rio é cada vez mais preocupante. Os espaços vagos nos empreendimentos de alto padrão, construídos para sediar grandes empresas, subiu para 38,3% no terceiro trimestre, ante 35,4% no segundo trimestre, de acordo com a consultoria Engebanc. A situação é ainda mais grave no Porto Maravilha, região que recebeu boa parte dos novos empreendimentos da cidade nos últimos anos. Lá, a vacância chegou a 86%.

Aquisições

A pressão sobre esses ativos tem despertado a atenção de fundos de private equity especializados no mercado imobiliário, que enxergam a oportunidade de comprar os empreendimentos com descontos. No entanto, os donos dos ativos avisam que o clima não é de “fim de feira”. (Circe Bonatelli)

 

Siga a @colunadobroad no Twitter

Mais conteúdo sobre:

imóveis