Venda da TAG faz Petrobrás segurar emissão de dívida

Venda da TAG faz Petrobrás segurar emissão de dívida

Coluna do Broadcast

18 de abril de 2019 | 04h00

A Petrobrás manterá por mais algum tempo no forno uma emissão de debêntures, que poderia alcançar R$ 3 bilhões, e estava sendo discutida com os bancos assessores. O motivo é a venda da Transportadora Associada de Gás (TAG) em acordo fechado no início de abril com o grupo Engie, conjuntamente com o fundo canadense Caisse de Dépôt et Placement du Québec (CDPQ), por US$ 8,6 bilhões. Apesar de segurar por algum tempo a emissão, a expectativa do mercado é de que a nova oferta de debêntures da petroleira estatal ocorra ainda no primeiro semestre de 2019. Os bancos envolvidos na operação são os mesmos da operação realizada em janeiro: Bradesco BBI, Itaú BBA, BB – Banco de Investimento e Santander Brasil.

Siga a @colunadobroad no Twitter

Para ver a Coluna do Broadcast sem o delay assine o Broadcast+

Tudo o que sabemos sobre:

petrobrásengie

Tendências: