Vendas de pulseiras, relógios e fones conectados devem crescer 55% neste ano

Vendas de pulseiras, relógios e fones conectados devem crescer 55% neste ano

Circe Bonatelli

25 de março de 2021 | 05h05

Relógio inteligente da Apple lançado no fim do ano passado. Crédito: Divulgação / Apple

 

Os acessórios inteligentes, como relógios, pulseiras e fones de ouvido conectados à internet, estão cada vez mais populares. Para 2021 são esperadas vendas de aproximadamente 3 milhões de itens desse tipo no País, o que representará um salto de 55% em comparação com 2020, quando foram comercializadas 1,9 milhão de peças, de acordo com levantamento da consultoria especializada em tecnologia IDC Brasil.

O setor de dispositivos “vestíveis” deslanchou porque ainda é uma novidade para boa parte dos consumidores, explica o analista da IDC, Renato Meireles. Ele acrescenta que ainda há muito espaço para o mercado crescer nos próximos, principalmente com o lançamento de produtos aprimorados e inovadores, atraindo fãs de tecnologia.

Isolamento ajudou vendas

A pandemia e o isolamento social também podem ter contribuído para estimular o uso de dispositivos para monitorar a saúde na prática de atividades físicas individuais, como corrida e natação, por exemplo. Por sua vez, o trabalho em casa também aumentou a procura de fones, incluindo os modelos sem fio e com funções melhoradas. No ano passado, o pico das vendas foi entre julho e setembro, quando o distanciamento já era uma realidade para muitas pessoas.

Há também um movimento de queda nos preços com a popularização desses produtos. Pulseiras e relógios inteligentes passaram de R$ 1.507 no terceiro trimestre para R$ 1.199 no quarto trimestre, em média, e os fones, de R$ 814 para R$ 710. Para 2021, a previsão da IDC é que os preços continuem em queda, por conta da maior oferta de marcas e modelos.

 

Esta nota foi publicada no Broadcast+ no dia 24/03/2021

O Broadcast+ é a plataforma líder no mercado financeiro com notícias e cotações em tempo real, além de análises e outras funcionalidades para auxiliar na tomada de decisão.

Para saber mais sobre o Broadcast+ e solicitar uma demonstração, acesse

Contato: colunabroadcast@estadao.com
Siga a @colunadobroad no Twitter

Tudo o que sabemos sobre:

vestíveissmartwatchAppleIDC

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.