Vivara quer chegar à Bolsa valendo R$ 5,5 bilhões

Vivara quer chegar à Bolsa valendo R$ 5,5 bilhões

Coluna do Broadcast

21 de setembro de 2019 | 21h12

As primeiras conversas da Vivara com investidores vão de vento em popa. A rede de joalheria, velha conhecida nos shopping centers do País, quer chegar à Bolsa avaliada em R$ 5,5 bilhões, o que corresponde a mais de vinte vezes o seu lucro anual. A operação da empresa caiu no gosto dos gestores, que já enxergaram seu potencial. Os bancos contratados para a oferta e a administração da companhia mantêm reuniões com o mercado, no processo que antecede o roadshow da oferta. Para precificar sua oferta em outubro, a Vivara precisa atualizar seu prospecto, já arquivado na Comissão de Valores Mobiliários (CVM), até primeira semana do próximo mês. A Vivara possui 185 lojas, 47 quiosques e duas lojas da Life Vivara, marca lançada de olho no público jovem.

Apesar de o preço do ouro ser um fator de risco para a companhia, especialmente em momentos de crise global, quando a procura pelo metal nobre dispara no mundo todo, a empresa possui estoque de ouro para um ano, o que a coloca à frente de concorrentes quando o assunto é repasse de preços, apontam gestores. Procurada, a Vivara não comentou.

Contato: colunabroadcast@estadao.com

Siga a @colunadobroadcast no Twitter

Tendências: