Wine, e-commerce de vinhos, contrata bancos para IPO

Wine, e-commerce de vinhos, contrata bancos para IPO

Fernanda Guimarães

25 de agosto de 2020 | 05h05

Foto: Nilton Fukuda/Estadão

Após um salto das vendas online de vinhos na pandemia, a Wine, que tem entre sócios a Península, de Abilio Diniz, é mais uma candidata para abrir capital na B3. Os bancos coordenadores da oferta inicial de ações programada para este ano já foram contratados. São Itaú BBA, XP, BTG Pactual e Bank of America. A plataforma tem hoje mais de 170 mil assinantes no clube – que recebem em casa vinhos selecionados – e um milhão de clientes no e-commerce. A empresa nasceu em 2008, em Velha Velha (ES). Além da Península é também investidor a e.Bricks Digital, empresa de investimento do Grupo RBS. Com o pé na tecnologia e ancorado no apetite dos investidores por negócios com pegada digital, a leitura é de que a empresa pode fazer diferença na fila de mais de três dezenas de empresa que buscam fazer sua oferta inicial ainda em 2020. Procurada, a Wine não comentou.

 

Esta reportagem foi publicada no Broadcast+ no dia 24/08/2020 às 16:21:13

O Broadcast+ é uma plataforma líder no mercado financeiro com notícias e cotações em tempo real, além de análises e outras funcionalidades para auxiliar na tomada de decisão.

Para saber mais sobre o Broadcast+ e solicitar uma demonstração, acesse

Contato: colunabroadcast@estadao.com

Tudo o que sabemos sobre:

vinhoIPOwine

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.